top of page
Smoke roxo

VALEu a pena, ê ê

Atualizado: 25 de jun.

Centroavante faz sua parte e ajuda a equipe a conquistar sua tão sonhada primeira vitória

No segundo e último jogo, mais uma partida do desespero! CLDF entrou em campo mais pressionado que a zaga do Vasco no jogo de domingo! Era vitória, ou vitória. Depois de alguns quase e muitas dificuldades para fazer gols, o time verde entrou em campo com promessas de renovação. Em caso de derrota, a desclassificação era mais certa que gol do Vinícius Junior em final de Champions League, só com milagre para chegarem.


Do outro lado, o embalado TCU! Depois de começarem com empate na primeira rodada, os comandados de Renato acharam o caminho das vitórias e seguiram. Sentido de perto o cheiro do líder e já classificados, a equipe amarela seguia para terminar o mais perto do topo.


PRIMEIRO TEMPO :


Queriam mesmo a vitória! A equipe da CLDF, mostrava uma vontade diferente dos outros jogos. Aquela vontade a mais, dos mocinhos de filme de terror em sobreviver... e era isso mesmo pra eles! Com um toque de comédia porque jogo da CLDF, sem Elias quizumbar, não tinha como acontecer!


Olha o gol! GOOOOOOOL DA CLDF! Ricardo Vale recebeu de pivô, muito calmo, frio como o tempo, e ajeitou para Teixeira entrar chutando, abrindo o marcador! Um gol tão comemorando que quando olhamos o time todo estava em campo! A esperança crescia dentro do coração da equipe! CLDF 1 x 0 TCU.


Caiu? Elias já iniciou a partida sem a camisa de técnico e estava no banco apenas como jogador. Para felicidade da torcida e tristeza de Wellington Duarte que nunca criticou o treinador!


Um novo começo! Com o novo técnico, Elias não esperou o final do jogo para decidir a partida, já no primeiro tempo, ele entrou e perdeu uma chance clara! Tentou um chute já caindo e mandou pra fora! Como disse a sua equipe, para de fazer igual ao Neymar!



Brincando com fogo, a equipe verde desperdiçava chances claras, muito claras! Foi com Elias primeiro, depois Manzoni SOZINHO não arrumou o pé e errou a mira do gol! Se a chance do Elias era fácil, a do Manzoni era pra vestir a camisa do Inacreditável Futebol Clube!


O futebol tinha suas peças, né! O excesso de vontade da CLDF fez, pela primeira vez no campeonato, uma equipe estourar o número de faltas permitidas. Em contra-ataque rápido do TCU, Guilherme chegou atrasado e parou com falta. Tiro livre! Na cobrança... GOOOOOOOL DO TCU! Isânio, sempre ele! CLDF 1 x 1 TCU.



Com o apoio da torcida, a CLDF terminou o primeiro tempo incrédula com a chances perdidas e a punição sofrida. Era fato no futebol, quem não fazia, levava!


SEGUNDO TEMPO:


Se o tempo estava frio, os times botavam fogo para esquentar. Renato sentindo um cansaço no time, rodava bastante, principalmente a defesa, a fim de evitar um gol porque as pernas não aguentaram. Para loucura da CLDF, um jogador parecia não cansar... Isânio.


Quaaase Ricardo! Recebeu cruzamento pela esquerda, tentou a letra e a bola passou perto da meta!



O TCU sentiu a pressão e jogava mais recuado, tendo um time rápido, podia sair com Gogo e Eduardo em contragolpe. Paulo Junior corria bastante e evitava que Carlos João colocasse a CLDF na frente novamente.


Era a virada! Gogo recebeu a bola na cara de Fábio, mas não conseguiu fazer e virar o jogo!



Obs: Desde que pediu para ser chamado de Golgol, os gols de Gogo sumiram. Maldição? Aqui no torneio já temos uma a ser quebrada.


Um tempo pegado pra cada time! No segundo o TCU abusou das faltas e, com dezoito minutos aproximadamente restando de jogo, o time já tinha estourado o limite. Mesmo com muita reclamação da equipe do TCU, de erro na contagem, o árbitro Renato confirmou que estava certo (e explicou todas no pós jogo!).


MAIS UM! GOOOOOOOL DA CLDF! Manzoni, sem repetir o primeiro tempo, fez e desempatou! Íamos mandar a camisa do Inacreditável, mas, como se redimiu, envio cancelado! CLDF 2 x 1 TCU.



Com limite estourando, TCU não conseguiu segurar. GOOOOOOOL A CLDF! Izaquiel, no tiro livre, aumentou! CLDF 3 x 1 TCU.



E o esperado aconteceu, mais um tiro livre e mais um GOOOOOOOL DA CLDF! Em time que estava ganhando não se mexia! Izaquiel novamente de tiro livre! CLDF 4 x 1 TCU.



O TCU parecia gritar já: "acaba pelo amor de Deus!"! Estourar as faltas cedo foi decisivo para o caminho do jogo. E não acabou... GOOOOOOOL DA CLDF! Primeiro gol com participação de Ricardo e o último também! Mas dessa vez, ele empurrou! CLDF 5 x 1 TCU.



FIM DE JOGO:


Em jogo meteórico para CLDF, equipe ganhou e seguia sobrevivendo, porém não mais por aparelhos. No final, falamos com Ricardo Vale, um dos destaques do jogo:



Do outro lado, Hugo falou sobre a pesada derrota:



E o craque foi o volante que conduziu o time a vitória, Izaquiel:



Por último, Elias falou sobre a CLDF seguir lutando..."Estão deixando eles sonharem".



Assista aos gols da quarta rodada:





Árbitro: Renato Gomes, nota 9

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page